Feira do Pescado terá preços 60% mais baratos este ano

Os preços que serão praticados na Feira do Pescado deste ano estão até 60% mais baixos que os valores do produto nas outras feiras e supermercados de Belém. A tabela foi elaborada pelos técnicos da Secretaria Estadual de Desenvolvimento Agropecuário e da Pesca (Sedap), junto com as empresas fornecedoras e produtores.

A Feira do Pescado será realizada pela Sedap nos dias 17 e 18 de abril, em seis pontos de venda em Belém, um em Ananindeua, um em Marituba e em mais 50 municípios do interior paraense, numa parceria com as prefeituras. O abastecimento está garantido com a proibição de saída do peixe produzido no Pará para outros Estados, no período de 12 a 19 de abril, por força de decreto governamental.

A medida garante também a estabilidade dos preços nas feiras e mercados por ocasião da grande procura pelo produto nos dias que antecedem a celebração da Paixão de Cristo. Nesse dia, a igreja católica recomenda que não se coma carne vermelha, uma tradição milenar que se mantém até hoje, em reconhecimento ao sacrifício de Jesus que teria sido crucificado na sexta-feira.

Nas feiras da Região Metropolitana de Belém serão ofertadas cerca de 250 toneladas de peixe resfriado, congelado e filetado de 13 espécies, entre dourada, filhote, pescada, piramutaba, sarda, gurijuba, bacalhau e pirarucu. Haverá também camarão rosa descascado e empanado, caranguejo e ostras.

Serviço: A Feira do Pescado vai funcionar nos dias 17 e 18 de abril, de 8h às 14 horas nos seguintes locais:

Belém: Centur (Batista Campos), Parque de Exposição do Entroncamento, Aldeia Amazônica (Pedreira), Segundo portão do campus da Ufpa (Guamá), Uepa campus da Avenida Almirante Barroso (Marco), Mangueirinho.

Ananindeua: Ginásio Almir Gabriel (Abacatão)

Marituba: Praça Matriz 

 

 

 

Por Leni Sampaio

Foto: Divulgação/ Ag.Pará